Entre tantas curiosidades que temos sobre o espaço, como será que se mede a duração de um dia nos planetas do nosso Sistema Solar? Para começar, é preciso explicar que os cientistas baseiam-se no tempo que um planeta demora a completar uma rotação em torno do seu próprio eixo para medir a duração de um dia. 

Quanto mais rápida for a rotação de um planeta, mais curtos serão os dias e as noites. Por exemplo, um dia em Marte equivale a 24 horas e 37 minutos (quase o mesmo tempo da Terra), enquanto um ano marciano tem 687 dias, quase o dobro de um ano terrestre.

Leia mais:

A rotação é o movimento que os planetas realizam em torno do seu próprio eixo. É como se o planeta estivesse rodando em volta de si mesmo. É um dos dois principais movimentos realizados pelo planeta Terra. O outro movimento é a translação, que é o movimento que os planetas realizam em torno do Sol. 

publicidade

A rotação provoca a alternância entre os períodos de insolação nas regiões do planeta. Como sabemos, na Terra, esse movimento dura aproximadamente 23 horas, 56 minutos e 4 segundos.

Crédito: Withan Tor – Shutterstock

O nosso Sistema Solar é um conjunto de corpos celestes que orbitam o Sol, a sua principal estrela. É uma estrutura astronômica complexa que se encontra no braço externo da Via Láctea. 

Antes de contar quanto tempo tem um dia nos planetas, vamos explorar mais o O Sistema Solar, que é composto por:

  • Oito planetas: Mercúrio, Vênus, Terra, Marte, Júpiter, Saturno, Urano e Netuno
  • Satélites
  • Corpos congelados, como cometas, asteroides e meteoroides (corpos celestes que orbitam o Sol, são pequenos corpos rochosos ou metálicos que se movem no espaço sideral. Os meteoroides são muito menores que os asteroides e variam em tamanho de pequenos grãos a objetos de um metro de largura. 
  • Planetas anões, como Ceres e Plutão 

O Sol brilha para todos

O Sol é o maior componente do Sistema Solar, respondendo por mais de 99,85% da sua massa total. 

Representação artística do planeta Júpiter. Crédito: muratart – Shutterstock

Atualmente, o Sistema Solar é formado por oito planetas: Mercúrio, Vênus, Terra, Marte, Júpiter, Saturno, Urano e Netuno. Os chamados planetas rochosos, mais próximos do Sol, são formados predominantemente por rochas. Já os planetas gasosos, localizados mais distantes do Sol, são constituídos por gases diversos.

A energia do Sol é gerada através da fusão de hidrogênio em hélio e assim temos o tempo de duração aproximada de um dia nos nossos planetas vizinhos:

  • Mercúrio: 58 dias e 16 horas terrestres
  • Vênus: 243 dias terrestres
  • Marte: 1 dia e 1 hora terrestres
  • Júpiter: 10 horas terrestres 
  • Saturno: 11 horas terrestres 
  • Urano: 17 horas terrestres
  • Netuno: 16 horas terrestres 

Vênus tem o dia mais longo do Sistema Solar, com 243 dias terrestres. Saturno, Netuno e Urano têm dias mais curtos que a Terra. 

Planeta Vênus
Entre os planetas do Sistema Solar, Vênus é o que tem o dia mais longo (Imagem: NASA/JPL)

O curioso em Vênus é que que uma única rotação venusiana demora 243,0226 dias terrestres. Isso significa que um dia dura mais do que um ano em Vênus, que completa uma órbita completa ao redor do sol em 225 dias terrestres.

Júpiter é o planeta com os dias e noites mais curtos, com um ciclo de dia e noite a cada 9 horas e 56 minutos (em média) terrestres.